In Literatura

Meta de leitura e desafios para 2018

Se 2017 já foi cheio de livro bom, a meta de leitura para 2018 pode ser mais ousada e bem melhor! Que tal um desafio pra fazer a diversidade dominar esse ano?

Começo respondendo a pergunta mais temida: as metas de 2017 foram cumpridas? NÃO! E não vejo problema nisso. Até porque eu tinha tinha umas metas bem loucas (e, não por acaso, o post em que falo disso se chama “Muita meta pra pouco 2017”). Lá cheguei a comentar que esperava ler, no mínimo, 50 livros no ano que passou, indo no máximo até 65 livros.

Mas teve tanta coisa que eu fico em paz Comecei pós-graduação, estudei pra concursos, precisei tirar tempo pra mim, tive que desenrolar trabalhos e me virar nos 30 pra uma série de situações que a vida me apresentou. Foi um ano inédito, diferente, instável, no qual não pude estabelecer uma rotina… Quem dirá, então, uma rotina de leitura!

Por isso que eu não só fico em paz com os 35 livros lidos, mas também fico alegre e orgulhoso do que alcancei. Foi pouquinho mais que o dobro de 2016, e insanamente maior que os 3 ou 4 livros por ano que lia antes entre 2011 e 2015.

Acabou que o ano fechou com várias leituras em andamento, então essa é a primeira meta:

Terminar o que comecei em 2017

Ninguém merece passar meses numa leitura sem fluidez. Então, pra deixar a fila de livros seguir o rumo e a vida ganhar outras surpresas, faz bem dar cabo de Guerra e Paz (Tolstói), A Dança da Morte (Stephen King) e O Labirinto dos Espíritos (Zafón). Além, é claro, de livros como O Festim dos Corvos e Convergente que estão abandonados desde 2015 e 2016, respectivamente…

Outra meta importante que encaixa direitinho com a primeira é

Continuar as séries em pausa

Crônicas de Gelo e Fogo, Maze Runner, Nárnia, Crianças Peculiares, Crônicas de Amor e Ódio, As Brumas de Avalon, Tons de Magia, Monstress e Cemitério dos Livros Esquecidos. São essas as séries que necessito dar cabo em 2018. Até porque tem outras aí pela frente, e essa é a terceira meta:

Iniciar novas séries

Tenho por aqui Outlander (Diana Gabaldon), Themis Files (Sylvain Neuvel), Duna (Frank Herbert), Trilogia do Vencedor (Marie Rutkoski), A Saga dos Corvos (Maggie Stiefvater), Six of Crows (Leigh Bardugo), Senhor dos Anéis (Tolkien), Trilogia Snopes (William Faulkner), Trilogia Mundo em Caos (Patrick Ness), Os Sete e Saga do Vampiro Rei (André Vianco).

Um bocadim de coisa? Talvez. O importante é ler pelo menos um volume de cada série pra saber a vibe da narrativa e decidir se prossigo ou não. E falando em continuidade…

Dar cabo dos livros da TAG

Pra quê uma pessoa se associa a um clube de caixas por assinatura mistery box e não lê o que mandam? Tem alguns livros que a vibe de leitura simplesmente não aconteceu. Outros eu só deixei passar por preguiça ou por não querer atropelar outras leituras. Então o negócio aqui vai ser botar tudo em dias e começar a leitura do que chegar o quanto antes.

Caso alguém não saiba: a TAG – Experiências Literárias é um clube que envia livros (em edições próprias super refinadas) indicados por críticos literários, autores, tradutores, enfim, por gente que tem cacife pra saber se um livro é especial e tem o poder de impactar a vida de alguém. Todo livro enviado por eles é importante de alguma maneira. E ainda tem: revista pra aprofundar a leitura, marcador de páginas personalizado e um brinde exclusivo. Pra assinar, clique aqui e ganhei R$35,00 de bônus pra gastar na lojinha exclusiva da Tag!

Ah, e a TAG não envia só livros clássicos. Pode até ser de um autor clássico, mas é improvável que seja o trabalho mais famoso dessa pessoa. Pode ser contemporâneo, nacional, da África, de alguém nunca antes publicado no Brasil. Um desses livros, As Alegrias da Maternidade, foi uma leitura que jamais vou esquecer. E seria ótimo poder me surpreender de novo com algo assim…

Como conseguir isso de novo? Com alguns desafios de leitura! Com os desafios, a gente fica um tantinho mais instigado a sair da zona de conforto. Eles trazem temas e propostas que enriquece nosso repertório como leitor e indivíduo. Alguns até podem tornar seus livros lidos mais coloridos, com mais diversidade, mais autoras mulheres, mais pessoas negras, mais autores da África e da Ásia e até mais autores do Brasil. Canais literários, blogs e até livrarias como a Cultura lançam desafios literários todo ano. Esse é o da Livraria Cultura em 2018 (não pretendo fazer 100%, só pra quando não souber muito bem o que quero ler):

Clique para ampliar

Outro bem interessante é o Desafio Mulheres Para Ler 2018 #MPL2018, uma ideia que saiu do grupo Mulheres Para Ler, um projeto da Iara Picolo, booktuber do canal Conto em Canto. Como o próprio nome já diz, a intenção é ler mais autoras mulheres, pra ver se a gente consegue viver dias mais toleráveis e livres de preconceitos e sexismo tendo como mote a literatura.

Pois é, eu mesmo acabei jogando a ideia lá no Facebook do grupo e a Iara organizou e fez um material lindíssimo pra guiar todo o Desafio. Foi feito um Calendário de 2018 (baixe aqui) no qual cada mês consta um tema, e é dentro desse tema que devemos ler um livro.

Clique para ampliar

Aqui vai uma previsão do que talvez eu leia nos próximos meses pro #MPL2018. Me comprometo em nada, nem gosto de me adiantar desse jeito porque sempre vou pela vibe do momento… Mas até agora cheguei a esses títulos e autoras:

JANEIRO – uma autora nacional

Boca do Inferno, da Ana Miranda (já tô lendo, inclusive!)

FEVEREIRO – uma autora fora do eixo EUA – Reino Unido

A Torre Acima do Véu, da Roberta Spindler (brasileira); Desejo, da Elfriede Jelinek (austríaca); A Praça Diamante, da Mercè Rodoreda (catalã)…

MARÇO – tema surpresa

Apenas: medo. O que a Iara tá guardando pra gente??

ABRIL – uma autora de ficção científica

Memória da Água, da Emmi Itäranta, ou algum da Octavia E. Butler

MAIO – primeiro livro de uma autora famosa

Outlander – A viajante do tempo, da Diana Gabaldon (a autora contemporânea mais famosa que tenho aqui, fora J. K. Rowling)

JUNHO – biografia / autobiografia

Eu, Filha de Sobreviventes do Holocausto, de Bernice Eisenstein. A Louca da Casa, da Rosa Montero, também tem elementos biográficos…

JULHO – uma nova autora

Cecília Reis é nova pra mim, mas já tem alguns livros lançados. Aqui, leria Os Cavaleiros do Inverno.

AGOSTO – uma HQ ou mangá

Monstress, vol. 2, roteirizada por Marjorie Liu e ilustrada por Sana Takeda. NECESSITO continuar essa série!

SETEMBRO – uma autora negra

Infelizmente, ainda não conheço tantas: Chimamanda, Buchi Emecheta, Nicola Yoon, Octavia E. Butler, Carolina de Jesus, Conceição Evaristo, Paulina Chiziane. Talvez eu vá de Paulina Chiziane!

OUTUBRO – um livro de terror ou suspense

A Hora das Bruxas, da série Mayfair, de Anne Rice

NOVEMBRO – uma autora que você conheceu esse ano

Deixa o ano passar, né? Mas, se fosse agora, escolheria Só Os Animais Salvam, da Ceridwen Dovey.

DEZEMBRO – uma autora clássica

O Morro dos Ventos Uivantes, da Emily Brontë. Ou algo menos conhecido, tipo Anne of Green Gables, da Lucy Maud Montgomery (deu origem à série Anne with an E). Vale como clássico? É de 1908…

***

Bem, com isso tudo aí acho bem possível que eu chegue a ler gloriosos

40 livros em 2018

e pretendo trazer tudo: comentários, artigos, resenhas e diários de leitura aqui pro Desfalk. Aguarde os próximos capítulos.

Alguns links importantes:

Grupo Mulheres Para Ler: bit.ly/grupompl
Calendário MPL 2018: http://bit.ly/desafiompl2018
Desafios MPL 2018: http://bit.ly/osdesafios
COMENTE AQUI!

, , , , , ,

8 Responses to Meta de leitura e desafios para 2018

  1. lorenacaribe disse:

    Olá! Espero que você consiga cumprir suas metas. Tantas coisas boas para ler e assistir. Aproveita todo o tempo disponível e já pode começar. Boa leitura e bom divertimento. Feliz 2018!!! mega bjooooooooo

  2. debyhsama disse:

    Olá,
    Minha nossa quanta coisa, eu acho que minha única meta é terminar os de 2017. Porque né, precisa acabar antes de começar outra.
    Sucesso nas metas.

    Debyh
    Eu Insisto

  3. Oi, tudo bem?
    Eu também não consegui cumprir minhas metas de 2017, mas acho que o importante é se manter lendo. Seu ano parece ter sido realmente muito cheio e acho que você se saiu muito bem.
    Você citou vários livros que quer ler e confesso que não li a maioria, mas muitos estão na minha lista de desejados. Dos que eu li, adorei a Trilogia do Vencedor e me decepcionei um pouco com Convergente, apesar de ter gostado do livro.
    Espero que 2018 seja um ano de ótimas leituras e muitas realizações para você.
    Beijos!

  4. Oii
    Não coloquei nenhuma meta em 2017, acredita! Em 2016, eu falhei com todas, por isso tomei essa decisão. Feliz decisão por que 2017 foi conturbado pra mim. Mas esse ano vou me arriscar em algumas metas, uma delas é ler os 5 livros de As Crônicas de Gelo e Fogo. Mas eu não me preciso muito, se não fico louca! hsuahsuahs1
    Você que ta cheio de projetos hem?! Gostei muito!
    Bjus

  5. Sandra Mendes disse:

    Hey, Falkner!

    Rapaz, eu já fiquei sem fôlego com esse tanto de coisa que você colocou aqui! Socorro! ahahahahaha
    Desejo que você consiga cumprir tudo isso a que se propôs. Vou torcer por você.
    E vou ficar acompanhando pra ver o resultado de tudo isso, sem contar que você tem uma lista bem boa de livros e eu gostaria de saber o que você achou da leitura deles.
    Foco, força e fé! kkkkkkkkkkkkkkkkk

    Beijos!

  6. Oieee
    Uau quantas metas, estarei mandando energias positivas e espero que você consiga cumprir todas!!!
    No ano de 2017 li um total de 32 livros e minha meta era 40 livros. Vou manter essa meta para 2018.
    Boa sorte para nós e boas leituras.

    Abr

    https://blog-myselfhere.blogspot.com.br/

  7. Ai desisto hauahuaahuaauhu esse ano me senti motivada para ler e já fazem uns sete dias que não consigo ler nadinha, espero que tu consigas ler tudo e bater a meta querido, espero que traga o resultado para nós também.
    Abraços

  8. Oi
    Tudo bom?
    Nem me fale em metas..kkkk
    Tinha pra 2017 ler 100 livros, mas li apenas 51. Esse ano não vou estipular nada e deixa e fluir, vamos ver se assim consigo mais coisa.
    Boa sorte na sua meta.
    Beijos

Comente aqui!

%d blogueiros gostam disto: